Cuidados com o meio-ambiente que você pode ter em casa

Cuidados com o meio-ambiente que você pode ter em casa

Existem alguns cuidados que você pode ter em casa quando o assunto é cuidar do meio ambiente. Afinal, estão cada vez mais em pauta as ameaças que nosso planeta vem sofrendo nos últimos tempos.

Juntamente com as mudanças climáticas, essas agressões são ameaças graves à vida humana, e se algumas atitudes não forem mudadas, o ecossistema sofrerá um colapso.

Mesmo com a mídia e outras fontes alertando sobre a importância da preservação, ainda há muitas pessoas que não levam o assunto a sério e continuam mantendo hábitos prejudiciais ao meio ambiente.

Também existem pessoas que não sabem o que podem fazer para melhorar essa situação, desconhecendo atitudes simples que fazem toda a diferença.

É no dia a dia que essas pequenas ações acontecem, seja no trabalho, na rua ou em casa. No convívio do lar, muitos comportamentos podem ser modificados para ajudar na preservação.

Se todos fizerem um pouco, com certeza é possível amenizar o problema e garantir um mundo melhor, mais justo e conservado para as gerações futuras.

Pensando nisso, este artigo vai falar sobre a importância da preservação do meio ambiente, além de dar dicas de como fazer isso em casa.

Importância de cuidar do planeta

Em primeiro lugar, é fundamental entender que somos parte da natureza, do ecossistema que pertence ao nosso planeta. Sendo assim, atitudes prejudiciais ao meio ambiente por parte do ser humano, podem prejudicar a ele mesmo.

Dessa forma, não basta apenas que ONGs e empresas estejam em ação para fazer isso, a ajuda de todos é importante.

Isso prova que a conscientização é primordial para que cada um faça sua parte, e tais ações vão desde separar o lixo orgânico do reciclável, até a escolha de materiais sustentáveis para montar uma sala de tv planejada.

Inclusive, a maior parte do que consumimos é proveniente do meio ambiente, como os alimentos, água e tantos outros recursos que não nos damos conta. A roupa que vestimos, os móveis que usamos e diversos outros itens são feitos a partir de matéria-prima natural.

Além disso, é importante ressaltar que, quando se fala em preservação, isso não diz respeito apenas a florestas, espécies, água salgada dos rios e mares, entre outros. Esse cuidado também está relacionado a cada lugar onde as pessoas se encontram.

Por isso, a ação de cada um é importante. De nada adianta optar por móveis de fibra sintética sp para preservar o uso da madeira, se a pessoa joga lixo no chão.

Nesta luta, cada ação conta e nunca é tarde para começar. O quanto antes nos conscientizarmos e refletirmos essas ações nas pessoas próximas, mais garantido estará o futuro do planeta para as próximas gerações.

Por exemplo, ao separar os resíduos domésticos diariamente, diminui-se cerca de 40% dos materiais que vão parar em grandes aterros. O pouco de cada atitude, já é de grande valia.

8 dicas de preservação ambiental para fazer em casa

São diversas as atitudes que podem colaborar com a preservação da natureza. Nesse tópico, apresentamos algumas dicas para que todos possamos fazer nossa parte, mesmo em casa.

1 – Separar o lixo

Fazer a separação do lixo doméstico é uma ação muito importante para a preservação da natureza. 

Por meio dela, os resíduos são destinados corretamente, e o que é reciclável pode ser facilmente reaproveitado. E para fazer isso do jeito correto, algumas dicas são:

  • Não misturar lixo orgânico com o reciclável;
  • Lavar embalagens recicláveis;
  • Separar vidro, plásticos, papéis e latas de alumínio;
  • Tampar o lixo.

2 – Reciclar materiais

A reciclagem de materiais é também um dos cuidados mais importantes com o meio ambiente. Por exemplo, ao fazer uma reforma e optar por móveis planejados para cozinha, separe as peças e outros componentes que podem ser reaproveitados.

Essa ação reduz consideravelmente os impactos ao meio ambiente, além de diminuir a retirada de matérias-primas da natureza, economizar água e energia, e reduzir a disposição inadequada de lixo.

3 – Diminuir o consumo de descartáveis

Existem muitas embalagens de produtos que são descartáveis, ou seja, itens que só podem ser utilizados uma ou duas vezes, e depois devem ser jogados fora. Alguns exemplos são:

  • Copos descartáveis;
  • Embalagens de refrigerante;
  • Canudos de plástico;
  • Talheres descartáveis.

Além destes, existem muitos outros itens que prejudicam o ecossistema, pois por conta do seu material de composição, sua decomposição pode levar anos.

Para diminuir o seu uso, opte por ações como usar garrafas de refrigerante retornáveis, por exemplo. Essas garrafas vão e voltam dos fabricantes e supermercados, e além de preservar o meio ambiente, são mais baratas e oferecem o mesmo conteúdo do produto.

Em festinhas de aniversário, evite o uso de copos descartáveis. No trabalho, inclusive, tenha sempre um copo ou garrafa de uso exclusivo para beber água ou tomar café.

4 – Economizar energia

Lâmpadas comuns devem ser trocadas pelas de LED. Além de serem mais eficientes, elas são econômicas e duram mais tempo, por isso, não são descartadas com tanta frequência.

Também é importante evitar deixar as luzes acesas em cômodos que não estão sendo utilizados. 

Na hora de assistir TV, procure deixar as lâmpadas apagadas, pois além de economizar energia e cuidar do planeta, o ambiente fica mais agradável.

Deixe acumular um volume maior de roupas para lavar. Algumas pessoas têm o hábito de encher a máquina com duas ou três peças. Além de usar muita água, essa atitude consome um nível altíssimo de eletricidade. O mesmo é válido para passar as roupas.

5 – Economizar papel

Tanto pessoas, quanto empresas, como uma loja de revestimentos, precisam se conscientizar quanto à economia de papel. Para isso, algumas dicas são evitar impressões desnecessárias.

Seja de um ingresso de cinema, apostila da faculdade ou conta para pagar, tudo isso pode ser mantido no celular, pois a tecnologia também veio para colaborar com a preservação.

Outra dica é guardar papéis de presente bem conservados, afinal, eles podem tranquilamente ser usados outras vezes. Além de economizar esse recurso natural, também economiza no bolso.

6 – Ter um dia vegetariano

Não é preciso cortar a carne da alimentação de uma vez por todas. Mesmo porque essa proteína é importante para a saúde do organismo. 

O problema está no desperdício de água usado para a preparação da carne, antes dela chegar nos supermercados e açougues. Sem falar que, os pastos onde os animais circulam, destroem cerca de cinco metros quadrados de floresta

Se cada pessoa do planeta deixar de comer carne por um dia, esse desperdício será reduzido consideravelmente, impactando o meio ambiente de forma positiva.

7 – Fechar bem a torneira

Uma bomba de água para piscina ajuda a preservar a água por mais tempo. Além disso, é importante estar atento a vazamentos, e não esquecer torneiras abertas.

Além disso, ao lavar a louça, escovar os dentes e se ensaboar durante o banho, mantenha as torneiras desligadas. Também é importante evitar descargas longas no vaso, pois elas consomem litros e mais litros de água.  

8 – Reduzir o consumo de plásticos

Uma das maiores vilãs do meio ambiente é a sacola plástica. Por isso, em diversos lugares do mundo todo, este produto é proibido. 

Ao ir ao supermercado ou comprar um simples aspirador de pó e água profissional, os comércios usam sacolas retornáveis para transportar as compras.

Garrafas plásticas são outro problema. O ideal é reutilizá-las ou reciclá-las, pois elas podem facilmente parar no oceano. A decomposição do plástico é muito longa e pode levar séculos até que o material desapareça.

Importância da preservação para o futuro

Ações como impermeabilização de caixa d água podem evitar que esse material seja trocado com frequência. Isso também é preservação, e quando nos referimos ao meio ambiente, não falamos apenas do momento atual.

Cuidar do ecossistema e garantir a sobrevivência das gerações futuras, vai além das necessidades que temos hoje. O foco é garantir o planeta saudável ao longo dos anos. 

Se atitudes não forem tomadas o quanto antes, a posteridade não terá acesso ao básico, como a água, por exemplo.

Além disso, o desequilíbrio ambiental desencadeia outros fatores negativos, como o aquecimento global, o derretimento de geleiras, extinção de espécies, falta de chuvas e desastres naturais.

Só que tudo isso pode ser evitado pelos seres humanos, uma vez que só nós agredimos o planeta com nossas escolhas, que na maioria das vezes, são erradas.

Tudo deve ser constantemente repensado, desde ações mais corriqueiras, como a separação do lixo diário, até descarte de lixo eletrônico de aparelhos que não usamos e são substituídos.

Mesmo que a tecnologia e a ciência evoluam a ponto de permitir que o ser humano colonize e povoe outros planetas, a Terra é a única que oferece o ecossistema adequado, por isso somos parte dela.

A conscientização é o passo mais importante para preservar a fauna e a flora terrestre, fazendo com que tenhamos mais qualidade de vida e preservar o meio ambiente.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Leia Também:

Como Consultar IPTU Ponta Grossa

Maria J. Vilich

Maria J. Vilich

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.